Navegando pela Categoria

Coisas que se foram antes

Amós Oliveira é mossoroense, médico e servidor público federal aposentado.

CRÔNICA

RODOVIÁRIA VELHA DE NATAL

Quando o microfone do serviço de autofalantes era ligado o que se ouvia eram todas as misturas de sons…
CRÔNICA

O FASCÍNIO DA ORATÓRIA

O Conselheiro Acácio de “O Primo Basílio” e o Professor Astromar de “Roque Santeiro” são exemplos da oratória…
Crônica

EXAME DE ADMISSÃO

O resultado obtido no Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM) habilita estudantes a buscarem em extensa lista de…
CRÔNICA

REVISTA “O CRUZEIRO” 2

O Brasil e o mundo estavam nas matérias da revista “O Cruzeiro”. Dentro do país, era natural a maior cobertura aos…
Crônica

REVISTA “O CRUZEIRO”

O conglomerado jornalístico “Diários Associados” foi um dos dois maiores que já existiram no Brasil. O maior no seu…
CRÔNICA

OS GRANDES BINGOS

Espalhou-se como onda pelo Brasil dos anos 1960, principalmente em cidades médias, um tipo de jogatina que atraia…
CRÔNICA

OUTRAS COPAS 2

Outras Copas podem ser relembradas, também, através de organização e regras que mudaram aqui e ali. Mudanças…
CRÔNICA

OUTRAS COPAS

Começou em 1930. mas antes de embalar, propriamente, os perrengues da Segunda Grande Guerra interromperam essa…
CRÔNICA

CINEMA COMO HÁBITO

O hábito de ir ao cinema não deixou de existir, mas mudou. Vamos tomar como recorte, para breve análise, cidades…
CRÔNICA

LANCHONETE DO CHAPINHA

Plantada mais ou menos ao centro da Praça André de Albuquerque, lugar exato onde fora o coreto, era uma das…
CRÔNICA

POEMA DE CONCRETO

Quando, em 1972, foi inaugurado o Estádio Humberto de Alencar Castelo Branco, em Natal, aquelas paragens do atual…
CRÔNICA

NATAL CINEMA

O Cinema Royal, da antiguidade natalense, na Rua Ulisses Caldas, deixou seu nome associado a uma música de…
Page Reader Press Enter to Read Page Content Out Loud Press Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out Loud Press Enter to Stop Reading Page Content Out Loud Screen Reader Support