Navegando pela Categoria

Coisas que se foram antes

Amós Oliveira é mossoroense, médico e servidor público federal aposentado.

Crônica

FUTEBOL PELO RÁDIO

“Abrem-se as cortinas do espetáculo, torcida brasileira!” Assim, o locutor Fiori Gigliotti iniciava sua narração.…

ESCOLAS DE DATILOGRAFIA

Não sei se seria melhor grafar dactilografia, com o “c” antes do “t”, ignorando o corretor de textos do computador…
Crônica

INSTITUTO DE EDUCAÇÃO

Volto ao assunto, como havia dito. O local onde o Instituto de Educação foi construído era o que se considerava na…
CRÔNICA

INSTITUTO DE EDUCAÇÃO

A escola continua ativa, graças a Deus! Oficialmente é o Colégio Estadual Jerônimo Rosado. A cidade a conhecia como…
Crônica

CHURRASCARIA O SUJEITO

Foi a Churrascaria O Sujeito, por muito tempo, o principal ponto da noite mossoroense. Vida noturna sem a…
Crônica

BANCA DE REVISTAS DA CALÇADA DO PAX

Estatura mediana, gordo, mas não excessivamente, gestos calmos, sorriso quase imperceptível, andar cadenciado pelo…
Crônica

MERCADO CENTRAL

De fato, não desapareceu. Mas foi modificado e nada tem a ver com o que era antes. Poderia ser o cenário de…
Crônica

PRAÇA 15 DE NOVEMBRO

O rebuliço, o transitar tumultuado de veículos, de bicicleta a caminhão, aos poucos submetem a memória da…
Crônica

CINEMAS DE RUA

O Pax lembra séries sequenciadas aos domingos. O Caiçara, grandes clássicos do cinema. O Jandaia, filmes de…
Crônica

ANTIGO ENDEREÇO DA RÁDIO RURAL

A vitalidade da Rádio Rural de Mossoró, em seus quase 60 anos, é razão de alegria e orgulho para o Estado,…

TEATRO ALBERTO MARANHÃO

Os Arabescos de seus portais introduzem à placidez de seu jardim interno, com estátuas e luminárias que remetem à…