Caos

Sistema de saúde de Natal colapsou, admite governo

Além da taxa de ocupação dos leitos está em 100% em 4 das 5 regiões de saúde, número de mortes bate recorde

O sistema de saúde de Natal está colapsado. A afirmação foi feita pelo secretário-estadual de Saúde Pública do Rio Grande do Norte, Petrônio Spinelli. “Você percebe que há um colapso muito forte em Natal e um colpaso relativo na região metropolitana”, afirmou Spinelli.

Em outras regiões como o Oeste e o Alto Oeste, onde as taxas de ocupação dos leitos Covid-19 estão sempre em 100% nos últimos dias, o colapso também está muito próximo. Na região do Mato Grande, os 3 leitos de Guamaré também estão com ocupação de 100%.

A única região ainda com situação menos dramática é o Seridó, com 77.7% de ocupação. Para completar o cenário devastador, o Estado registrou, ontem, um recorde na confirmação de novas mortes: 41.

“Os dados de hoje refletem o comportamento social nos últimos 15 dias. Quanto mais pessoas circulando, maior a probabilidade de novos casos de Covid. Por isso insistimos que é preciso aumentar o isolamento e ficar em casa. Só sair para atender necessidades essenciais. Respeitar o Pacto pela Vida é fundamental”, afirmou Petrônio.

Para piorar a situação, há dificuldade para aquisição de medicamentos como relaxantes musculares, necessários ao procedimento de intubação, não somente no RN, mas em todo o Brasil Spinelli afirmou que o Governo do RN está unindo esforços para contornar a situação.

Os casos suspeitos são 24.136, sendo 15.690 confirmados, 24.973 descartados, 626 óbitos (41 a mais que nesta terça-feira, sendo 8 confirmados apenas nas últimas 24 horas e os demais ocorridos em dias anteriores) e há 129 óbitos em investigação.

Notícias semelhantes
Comentários
Loading...