Fátima e a UERN

A gestão da professora Fátima Bezerra (PT) caminha para ser uma das que mais contribuíram com a caminhada da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UEERN). Embora seja cedo para fazer assertivas a esse respeito, mas as ações iniciais da chefe do Executivo estadual, em relação à instituição apontam nessa direção. Senão vejamos:

Em maio, quando se concretizou o corte de R$ 20 milhões de emendas federais destinadas à UERN, a governadora assegurou à universidade uma complementação orçamentária de R$ 3,6 milhões, recursos essenciais para garantir a execução por completo do projeto estruturante da Universidade.

Na última sexta-feira, 13/9, o Governo do Estado incluiu a a UERN como beneficiária do Fundo Estadual de Combate à Pobreza (FECOP). Com isso, garantiu que a universidade receba, em 4 parcelas anuais, recursos que se aproximam de R$ 11 milhões.

Além dessa questão da verba, Fátima Bezerra tem tido outros gestos práticos e simbólicos que sinalizam não somente com a efetivação do seu discurso de valorização da UERN, mas e sobretudo de que realiza uma gestão quem tem a educação como importante instrumento de transformação social. E nesses tempos de profundos ataques à educação, ter esse tipo de postura governamental é libertador.

O governo Fátima Bezerra tem em seu corpo de auxiliares professores da UERN, como o secretário de Planejamento, uma das pastas mais importantes da gestão. Antes mesmo de assumir, a governadora esteve na Reitoria em visita de cortesia ao reitor Pedro Fernandes, clara demonstração da importância que atribui à universidade.

Some-se a isso o fato de que ao instalar o governo em Mossoró, Fátima prestigia a UERN mais uma vez, haja vista que será na Reitoria que a gestão estadual vai funcionar entre 26 e 29 de setembro. Por fim, e não menos importante, está garantida a presença da governadora na assembleia comemorativa ao aniversário da universidade. Atentemos que a última vez em que um governador esteve presente na assembleia uerniana foi em 2014. Em seus 4 anos de governo, Robinson Faria não veio sequer à assembleia comemorativa aos 50 anos da UERN, comemorados ano passado. Por tudo o que está sendo dito e feito por Fátima Bezerra, poderá ela se tornar uma das gestoras que mais olharam e fizeram pela UERN. Especialmente se até o final do seu governo tiver construído com a comunidade acadêmica o processo de autonomia financeira da instituição.

PRESENÇA

A deputada federal Natália Bonavides (PT) estará amanhã, 19/9, em Mossoró. Ministrará palestra dentro da programação da Semana Jurídica da Faculdade de Direito (FAD/UERN).

DENUNCISMO

Dirigente de uma entidade sindical bradava hoje numa emissora de rádio que o governo está matando gente. Nunca vi tanta irresponsabilidade numa denúncia. Não citou um caso, não apresentou uma prova.

CONVOCAÇÃO

A Federação dos trabalhadores na Administração Pública Municipal do RN (FETAM-RN) está convocando os municipais para se integrar as manifestações que ocorrerão em todo o mundo, dia 20/9, em defesa do meio ambiente, da Amazônia e do clima. Trabalhadores, estudantes e movimentos sociais vão às ruas defender o meio ambiente, a soberania nacional, a amazônia e lutar pelo emprego e contra as privatizações.

Notícias semelhantes