Navegando pela Categoria

Sérgio Oliveira

No salão branco do STF a coisa pode ficar preta

Usando apenas como uma expressão do tipo, “o bicho vai pegar” ou “o tempo fechou” para dizer que a confusão foi formada é que recorro ao dito popular que diz assim “a coisa pode ficar preta no salão branco do Supremo Tribunal Federal”. Isso depois que o antigo Procurador-Geral da República Rodrigo Janod divulgou que já foi a uma sessão da Corte,…
Leia mais...

População escondida

Enquanto governo e opositores trocam acusações sobre possíveis números fantasiosos, a violência em fatos reais parece só crescer no Rio Grande do Norte. A população vive escondida e assustada tomada pelo medo de sair de casa para o simples gesto, que outrora era encontro certo ao cair da tarde, de sentar na calçada. E, na discussão dos números,…
Leia mais...

Bastidores em ebulição para 2020

Existe um provérbio português que diz assim: “Quem vê cara não vê coração”. Aproveito para utiliza-lo no sentido de tentar explicar o que acontece nos bastidores da política mossoroense em torno das discussões sobre o processo eleitoral do próximo ano. Podemos afirmar que este vive hoje em completa ebulição apesar do tempo que nos separa do pleito.…
Leia mais...

Baterias recarregadas

Depois de um bom período de férias, voltamos e estamos de baterias recarregadas para seguir com o legado da comunicação. A missão de não incutir nos outros a nossa forma de pensar e entender o mundo, mas levar informações que façam o leitor refletir e tirar suas próprias conclusões do que é fato e por isso vira notícia. Isso posto, sempre de…
Leia mais...

Multas e segurança

A questão da segurança pública é um problema que afeta todo o Brasil e, consequentemente, não seria nada diferente no “país” de Mossoró. É de conhecimento geral que a responsabilidade maior na defesa do cidadão é do governo estadual, porém existem algumas iniciativas que podem e devem fortalecer o combate a bandidagem. Em Mossoró-RN, por exemplo,…
Leia mais...

Problema social e o turismo

Nas grandes e médias cidades pelo Brasil afora, e em outros países também, um problema parece comum: a crescente população de moradores em situação de rua. Alguns fazem questão de viver assim, porém me parece a maioria na verdade sobrevive assim. Não é o que queriam, mas a situação é essa e tenta se virar como pode. Na cidade do Rio de Janeiro os…
Leia mais...

A ORDEM ALTERA E A DIVISÃO IMPERA

Na coluna anterior comentamos o risco de rompimento da união dentro da Ordem dos Advogado do Brasil, em nível nacional, por conta de posicionamentos assumidos por seu presidente, Felipe Santa Cruz em guerra aberta contra o presidente do país, Jair Bolsonaro. Levantamos a tese de que a OAB era maior, superior aos interesses partidários, e agora…
Leia mais...

CARTEIRA NÃO ASSINADA

Trabalhadores, em geral, sonham e buscam seu espaço no campo laboral por uma atividade com carteira assinada, mas não é bem isso que tem acontecido no Rio Grande do Norte. Em terras potiguares a realidade tem sido árdua com o acréscimo de atividade com carteira não assinada. Os números apresentados pelo Cadastro Geral de Empregados e Desempregados…
Leia mais...

O SAL TEM QUE SER O NOSSO

Na coluna anterior, ainda no ar ao lado desta, nós começamos dizendo que “O PETRÓLEO AINDA É NOSSO”, e hoje vamos acrescentar mais um produto natural que fomenta a economia de Mossoró e do Rio Grande do Norte defendendo a tese de que “O SAL TEM QUE SER O NOSSO”. Os vereadores de Mossoró reagiram e pedem apoio dos parlamentares (deputados federais e…
Leia mais...

O PETRÓLEO AINDA É NOSSO

O legado deixado pela luta travada entre os anos 40 e 50, quando o Brasil vivia um boom no seu desenvolvimento econômico, e a indústria do petróleo precisava acompanhar, daí o surgimento da campanha “O Petróleo é Nosso” e a criação da Petrobrás, não pode ser esquecido. No entanto, se o estado não pode ou não tem interesse de continuar explorando o…
Leia mais...