Ensino superior

UFRN adia para setembro retomada do período letivo

Reinício das atividades letivas estava previsto para 24 de agosto, mas foi remarcado para 8 de setembro

A Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) adia a retomada do período letivo 2020.1 para o dia 8 de setembro. Inicialmente, a data prevista era 24 de agosto.

De acordo com a instituição, o adiamento foi necessário porque o programa de pacote de dados da Rede Nacional de Ensino e Pesquisa (RNP)/Ministério da Educação (MEC) não estará implementado na data prevista para o início das aulas da Universidade.

Segundo o professor Daniel Diniz, reitor da UFRN, além do auxílio instrumental para aquisição de equipamentos, a Universidade vai também disponibilizar apoio financeiro para custear a contratação de internet dos estudantes prioritários da assistência estudantil.

Com base na segurança à saúde, formação de qualidade, flexibilidade e inclusão, a retomada do 2020.1, no formato remoto, havia sido planejada para 24 de agosto. Diante da situação, a Pró-Reitoria de Graduação (Prograd) prorrogou até ontem, 20 de agosto, o período de rematrícula para o 2020.1 (2020.6) e a Pró-Reitoria de Assuntos Estudantis (Proae) lançou edital de Auxílio de Inclusão Digital, para contratação de pacote de dados de internet – direcionado aos estudantes da graduação presencial em situação de vulnerabilidade socioeconômica e que participam, como alunos prioritários, do Cadastro Único da Assistência Estudantil.

A divulgação do processo seletivo estará disponível no Portal da UFRN.

Planejamento – Como medidas de planejamento para o ensino remoto no contexto da pandemia da covid-19, a UFRN vem desenvolvendo diversas ações, como a discussão descentralizada sobre o tema, envolvendo as representações de todos os segmentos (técnicos, professores e estudantes); capacitações sobre a temática para docentes e discentes; criação de comissões de monitoramento da covid-19 na comunidade universitária; publicação do Protocolo de Biossegurança e do Guia para Estudantes sobre a retomada do 2020.1; aprovação de novas resoluções de assistência estudantil; aprimoramento do Sistema Integrado de Gestão de Atividades Acadêmicas (Sigaa); questionário sobre o Período Letivo Suplementar Excepcional (PLSE), para aperfeiçoar a experiência da retomada do 2020.1; além de realizar avaliações de desempenho e de adesão às atividades acadêmicas remotas.

Notícias semelhantes
Comentários
Loading...