Contra a Covid

UERN orienta servidores sobre vacinação

A orientação é que o servidor seja vacinado na cidade onde trabalha.

Com a expectativa de proximidade da abertura da vacinação contra a Covid-19 para os trabalhadores da educação que atuam no ensino superior, a Pró-Reitoria de Gestão de Pessoas (Progep) orienta os servidores quanto aos procedimentos necessários para a imunização.

O primeiro passo a ser tomado é cadastrar-se no portal RN + Vacina, como profissional do ensino superior. As datas e locais de vacinação ainda não estão definidos, mas o servidor deve realizar o cadastro previamente.

A orientação é que o servidor seja vacinado na cidade onde trabalha.

No dia da vacinação, é necessário levar documento pessoal com foto, comprovante de residência e cópia da declaração de vínculo com a Universidade.

No caso dos servidores efetivos, a declaração pode ser obtida através da Plataforma Íntegra, na seção “vínculo”. A orientação serve para os servidores de todos os campi.

Caso o servidor atue em um município, mas resida em outra cidade e precise de uma declaração informando essa situação, pode solicitar o documento junto à Progep. A solicitação pode ser feita pessoalmente, no Edifício Epílogo de Campos, ou através do e-mail [email protected]

Os funcionários contratados também devem solicitar sua declaração de vínculo diretamente na Progep, pessoalmente ou por e-mail.

Por sua vez, os funcionários terceirizados que trabalham em Mossoró e Patu receberão uma declaração de vínculo da Pró-Reitoria de Administração (Proad).

Já os funcionários terceirizados que atuam em outros municípios deverão ficar atentos às orientações da Proad e às determinações e especificações da secretaria de saúde de suas respectivas cidades, para saberem para qual etapa está prevista a sua vacinação.

Campanha solidária

No caso dos servidores que receberão a vacina em Mossoró, a Progep também enfatiza a ação da campanha Vacina Solidária, da Prefeitura Municipal. Através da campanha, a população pode doar alimentos não perecíveis nos pontos de vacinação.

Os alimentos serão doados a pessoas em situação de vulnerabilidade social, incluindo artistas locais que foram afetados pela falta de trabalho devido às restrições impostas pela pandemia.

Notícias semelhantes
Comentários
Loading...