Depen

Suspeitos de matar Marielle são transferidos de Mossoró para Porto Velho

A transferência foi realizada pelo Departamento Penitenciário Nacional (Depen) em segredo, por motivo de segurança.

Dois suspeitos de assassinarem a vereadora do Rio de Janeiro, Marielle Franco, e do motorista Anderson Gomes, foram transferidos da Penitenciária Federal de Mossoró para a Penitenciária Federal de Porto Velho, em Rondônia.

O sargento reformado da Polícia Militar Ronnie Lessa, e o ex-PM Élcio de Queiroz, foram transferidos no último dia 26 de junho em operação sigilosa. Os dois estão presos desde 14 de março de 2018, acusados de envolvimento no assassinato da vereadora Marielle Franco e do motorista Anderson Gomes.

A transferência foi realizada pelo Departamento Penitenciário Nacional (Depen) em segredo, por motivo de segurança.

 

Notícias semelhantes