Ato no IFRN

Responsável por operação que culminou com agressões a estudantes é afastado da PM

Afastamento foi determinado pela governadora e durará enquanto o fato estiver sob apuração

O Policial Militar responsável pela operação que reprimiu com violência uma manifestação pacífica dos estudantes do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte (IFRN) no início da tarde desta terça-feira, 11/8, foi afastado de suas funções.

A informação foi dada pela governadora Fátima Bezerra (PT/RN) em sua conta em uma rede social. A governadora se solidarizou com os estudantes e revelou que logo que soube do episódio contactou o comandante da PM, coronel Alarico Azevedo.

“Logo que tomei conhecimento do lamentável ocorrido hoje, no IFRN, acionei o CoronelAraujoPM e o cmte da PM, cel Alarico, e determinei prioridade na apuração do episódio. O PM que conduziu a operação será afastado das atividades operacionais até que a investigação seja concluída”, informou.

Segundo Fátima Bezerra, o vice-governador Antenor Roberto (PC do B) foi ao local do ocorrido (campus central do IFRN, em Natal) e se solidarizou com alunos e funcionários em nome do governo. Ainda de acordo com a governadora, os estudantes se manifestavam pacificamente contra a intervenção do IFRN.

“Nosso governo não conviverá com práticas inadequadas e que violem a liberdade dos nossos estudantes”. A governadora finalizou as postagens informando que o policial havia sido afastado.

Notícias semelhantes
Comentários
Loading...