Nova reunião

Governo e servidores vão decidir pagamento de abril na próxima segunda

Durante a reunião nesta quarta-feira (3), o Governo confirmou o pagamento dentro do mês trabalhado e propôs honrar, no dia 15, os salários de quem ganha até R$ 4 mil

Na próxima segunda-feira, às 10h, será realizada nova rodada de negociação entre Governo e entidades sindicais e associativas que representam os servidores públicos do Rio Grande do Norte para definir o pagamento de abril.

Durante a reunião nesta quarta-feira (3), o Governo confirmou o pagamento dentro do mês trabalhado e propôs honrar, no dia 15, os salários de quem ganha até R$ 4 mil, servidores da Segurança Pública e 30% para quem recebe acima dos R$ 4 mil. Os representantes dos servidores fizeram uma contraproposta de ser pago o salário integral de quem recebe até R$ 5 mil.

Com isso, ficou acertada uma nova reunião para a próxima semana, pois até lá o Governo poderá dizer se terá condições de atender ao que foi proposto na mesa de negociações pelas entidades representativas dos servidores.

Segundo o secretário de Planejamento, Aldemir Freire, que participou da reunião, a folha de quem recebe até R$ 4 mil representam R$ 220 milhões, enquanto os salários de quem ganha até R$ 5 mil representam R$ 236 milhões.

“Vamos verificar se teremos condições de cobrir esses R$ 16 milhões da proposta dos servidores. Hoje não é possível dar essa resposta. Por isso, vamos ter outra reunião porque até lá vamos tentar achar saídas”, afirmou o secretário-chefe do Gabinete Civil, Raimundo Alves. Ele reforçou que esse valor de R$ 4 mil só foi possível porque a presidência da Assembleia Legislativa consentiu que parte do duodécimo seja repassado somente no final de abril. O duodécimo é o repasse mensal obrigatório que o Executivo faz aos outros poderes e ao Ministério Público, Tribunal de Contas e Defensoria Pública.

Notícias semelhantes