Judiciário

CNJ deverá julgar suspensão da Lista Tríplice do TRT-RN no dia 17

Lista está suspensa porque um dos concorrentes alegou que o desembargador Brento Herculano votou na ex-esposa

O julgamento do mérito da eleição da Lista Triplice do Quinto Constitucional do Tribunal Regional do Trabalho (TRT-RN) deverá entrar na pauta do Conselho Nacional de Justiça no próximo dia 17 de dezembro.

Segundo informações apuradas pelo Justiça Potiguar, o relator, conselheiro Mario Guerreiro, pediu a inclusão na pauta da próxima sessão do CNJ.

Desde o último mês de setembro, a Lista Triplice está suspensa, após o CNJ conceder liminar ao pedido impetrado pelo advogado Eduardo Rocha, contra o voto do desembargador Bento Herculano que decidiu o desempate para a segunda vaga da Lista entre Eduardo Rocha e Marisa Almeida votando em sua ex-esposa e mãe de sua filha. A lista ainda contava com Marcelo Barros em primeiro nome e Augusto Vale em terceiro. (Fonte: Justiça Potiguar)

Notícias semelhantes
Comentários
Loading...