Ah, a redação….

A jornalista Sayonara Amorim é a mais nova colaboradora desse Portal do RN. Experiente e multifacetada, Sayonara se notabilizou na cobertura do Cotidiano e também na Editoria de Polícia, embora tenha atuado nas demais áreas do jornalismo. Uma craque em narrar acontecimentos, retratar o dia a dia e analisar fatos.

A  chegada de Sayonara e a presença de Sérgio Oliveira, companheiros de ideias, letras e coberturas em tempos idos, me fez rememorar os ambientes nas redações, seja em O Mossoroense, Correio da Tarde ou Gazeta do Oeste.

Nesses tempos de jornalismo digital, onde se escreve de qualquer canto a toda hora, faz falta um espaço e um momento em que os jornalistas resenham, trocam ideias, brincam e, com o combustível que essas situações oferecem, inevitavelmente, as coberturas jornalísticas são cada vez mais recompensadoras. O novo modo de fazer jornalismo e a pandemia tem tornado cada vez mais difíceis esses encontros de e no trabalho.

Redação é o habitat natural dos apaixonados por contar histórias, retratar personagens e contribuir para solução de problemas. A redação, ah, a redação…

 

GIBERTO DIÓGENES

O ex-vereador Gilberto Diógenes teve publicada sua aposentadoria por tempo de serviço como professor. Combativo como é, Diógenes continuará na luta pela classe trabalhadora, uma de suas razões de ser.

 

INSEGURANÇA RECORRENTE

São cada vez mais frequentes os assaltos e arrastões no loteamento Cidade Alta, na área do Sumaré em Mossoró. Moradores daquela região estão bastante assustados.

 

PREDILEÇÃO PELO NADA

As próximas eleições serão no próximo ano, mas as articulações já seguem a mil. Em alguns casos, já tem partido definindo suas preferências. Para as agremiações menores, ter predileções nesse momento é correr o risco de não conseguir nada.

 

FOME CAMPEIA

Essa semana, uma mãe de família fazia, aos prantos, numa emissora de rádio de Mossoró, apelo emocionado para que os ouvintes lhes doassem comida. Com filhos, desempregada e sem qualquer auxílio financeiro oficial, relatava a rotina de fome que se abatia sobre seu lar.

 

FOME CAMPEIA II

Aliás, Mossoró apresenta um retrato fiel de como a fome voltou a ser recorrente no cotidiano do brasileiro: pedintes, vendedores de bala, limpadores de para-brisa de carro são vistos em quase todos os locais que tenham boa movimentação de pessoas.

 

PROJETOS DO ESPORTE

Muito interessante a proposta de trabalho que vem sendo apresentada por Júnior Xavier, secretário de Esportes de Mossoró. Júnior quer tornar realidade a construção de um ginásio poliesportivo para trabalhar várias modalidades esportivas. Crianças e deficientes estão entre as prioridades da secretaria.

Notícias semelhantes
Comentários
Loading...