Na Penitenciária Federal

Acusado de tráfico é encontrado morto em cela

Mica, de 42 anos, era considerado pela polícia como um dos principais líderes de facção criminosa que dominava os Complexos do Alemão e o da Penha

Acusado de tráfico que ficou conhecido nacionalmente por supostamente ter uma amizade próxima com o jogador Adriano Imperador (Ex-Flamengo e Seleção Brasileira), Paulo Rogério de Sousa Paz, o “Mica”, de 42 anos, foi encontrado morto, na manhã deste domingo 12 de abril, dentro de uma cela no Presídio Federal de segurança Máxima em Mossoró.

O detento foi encontrado por policiais penais federais e estava com um lençol no pescoço e sem vida em uma cela individual daquela unidade penal. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), através de uma unidade de suporte avançado (Alfa) foi acionado para constatação de óbito.

Considerado pela polícia como um dos principais líderes de facção criminosa que dominava os Complexos do Alemão e o da Penha, no Rio de Janeiro, Mica foi preso por policiais da Delegacia de Roubos e Furtos (DRF) no ano de 2012, sendo levado para o presídio de Bangu 1 no Rio de janeiro. Em 2014, ele foi transferido para a Penitenciária Federal de Segurança Máxima em Mossoró.

Notícias semelhantes
Comentários
Loading...