Decisão

UERN acaba com lista tríplice para escolha de dirigentes acadêmicos

A proposta de alteração do estatuto ao Consuni foi feita pelo gabinete da reitoria

O Conselho Universitário (Consuni) da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN) aprovou hoje, 17/8, o fim da necessidade de composição de lista tríplice para os cargos de diretor de Unidade Acadêmica e chefes de Departamento Acadêmico.

Com a decisão do colegiado, a lista tríplice para estes cargos deixa de existir. Como havia previsão no Estatuto da UERN, os conselheiros aprovaram uma emenda acabando com a obrigatoriedade.

A proposta de alteração do estatuto ao Consuni foi feita pelo gabinete da reitoria, contando com apoio dos segmentos acadêmicos da universidade e dos conselheiros do Consuni. Sem a lista, quem ficar em primeiro na escolha dos segmentos acadêmicos será nomeado dirigente.

Com o fim da lista tríplice na escolha interna de dirigentes, a comunidade universitária aguarda agora aprovação de lei estadual garantindo o fim da lista tríplice também para os cargos de reitor e vice-reitor da universidade, compromisso já assumido pela governadora Fátima Bezerra (PT).

Notícias semelhantes
Comentários
Loading...