Por que calar os contrários?

Jair Bolsonaro é idiota, imbecil e troglodita. Não é opinião política. É fato. Apesar de todo o negativo que essas condições trazem para o fato dele ser o presidente do país, elas metem medo, mas estão longe do que realmente é perigoso nesse cidadão que a maioria achou que teria condições de governar o Brasil. O que preocupa mesmo em Bolsonaro são o seu autoritarismo, sua afeição pela tortura, seu desrespeito às pessoas, seu apreço à morte alheia, seu desprezo à democracia e, como princípio, meio e fim de tudo isso, sua condição de fascista.

O episódio envolvendo a atleta Carol Solberg, que gritou um necessário (para a democracia, inclusive) Fora Bolsonaro, e foi advertida pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) é uma mostra de quanto o aspecto ditatorial do governo é forte na vida das pessoas, independente de que setor elas venham. Basta apenas que sejam contra o governo.

O Fora Bolsonaro da Carol, ou de quantos queiram gritá-lo, não carrega nenhum potencial lesivo à honra ou a qualquer aspecto da vida do presidente. Jair não está nem aí para qualquer dor que isso lhe causaria, principalmente porque não causa. O que o governo quer – e o STJD tem servido de aparelho às pretensões fascistas de Bolsonaro – como tantas outras instituições, de todos os poderes – é calar. E por que calar os contrários? Porque quando todos estiverem silenciados, haverá a ilusão de que está tudo bem. Como toda ilusão, essa será mais uma falsidade a sustentar esse governo. Acordemos enquanto é tempo.

FORA BOLSONARO

Aliás, o advogado Carlos Fernando dos Santos Lima, ex-procurador federal da Lava Jato em Curitiba, escreveu artigo no portal Uol defendendo o impeachment do presidente. Bolsonaro transcende qualquer definição de inadequação ou irresponsabilidade. Fora Bolsonaro!”, disse

 

FARSA DE KERINHO

Tem vindo à tona quase diariamente verdades sobre o caso Kerinho. E elas comprovam que ele mentiu para garantir a validade de seus votos quando candidato a deputado federal. Tudo com a intenção de ajudar a Beto Rosado (PP). Para que Justiça seja feita, é preciso que o mandato seja devolvido a Fernando Mineiro (PT) e que Kerinho seja preso. Ele tem tentado enganar a Justiça agindo dolosamente.

LENTIDÃO AQUI

Aliás, chama a atenção a lentidão com que a Justiça tem agido em relação ao caso Kerinho. Vai terminar o mandato em questão e não se tem uma decisão sobre o caso.

RAPIDEZ ALI

Já no caso do deputado estadual Sandro Pimental (PSOL), a Justiça agiu com muita rapidez, tendo cassado-o de forma definitiva. Coisas do Brasil.

 

ROBINSON APARECEU

Após deixar o governo do Estado numa crise financeira e fiscal sem precedentes, o ex-governador Robinson Faria (PSD) resolver “dar as caras” no cenário político potiguar. Robinson postou vídeo nas redes sociais declarando apoio à candidatura de Allyson Bezerra, do Solidariedade, que disputa a prefeitura de Mossoró.

Notícias semelhantes
Comentários
Loading...