Assassinato

Polícia prende segundo suspeito de participação na morte de PM da reserva

Jovem é apontado como um dos três envolvidos no assassinato do policial militar da reserva Plínio Sales.

Um jovem de 18 anos foi preso nesta segunda-feira (8) pela Polícia Militar suspeito de ter participação na morte do PM da reserva Plínio Sales. De acordo com a polícia, ele é apontado como um dos três envolvidos no assassinato do policial, morto durante uma tentativa de assalto entre Natal e Macaíba.

De acordo com os militares do Grupo Tático Operacional (GTO), o suspeito foi encontrado durante patrulhamento na cidade de João Câmara, após a polícia receber uma informação de que um foragido se encontrava na cidade.

A Polícia Civil apurou que três homens estavam no carro que interceptou o veículo do PM Plínio. Um deles morreu durante o confronto com o policial e os outros dois fugiram. Os dois que fugiram já foram localizados. O primeiro suspeito foi preso na última quinta-feira, dia 4, no bairro Golandim, em São Gonçalo do Amarante.

Morto em assalto

O crime aconteceu no último dia 3 de julho, na Rua Fabrício Pedroza, uma estrada de terra. A via liga Natal a Macaíba, e é uma rota comumente utilizada na região. Fica entre o bairro Guarapes, na Zona Oeste da capital, e a cidade vizinha.

O policial morreu após entrar em confronto com criminosos durante tentativa de assalto. Ele seguia com três familiares em seu carro, quando foi interceptado pelos bandidos, que estavam em outro veículo.

Notícias semelhantes