Paralisação

PMs não saem dos quartéis e policiamento fica desfalcado nas ruas do RN

Reajuste salarial, pagamento de folhas atrasadas e recomposição do efetivo estão na pauta de reivindicações.

Os policiais e bombeiros militares do Rio Grande do Norte iniciaram, na manhã desta segunda-feira (17), uma paralisação por tempo indeterminado. Reajuste salarial, pagamento de folhas atrasadas e recomposição do efetivo estão na pauta de reivindicações.

A parada inclui praças e oficias das duas corporações que desde as 8h se encontram reunidos em frente à Governadoria, no Centro Administrativo do Estado, em Natal.

A paralisação não envolve a Polícia Civil, que mantém o atendimento nas delegacias funcionando normalmente.

As viaturas da PM nas cidades de Mossoró, Areia Branca, Governador Dix-Sept Rosado, Baraúna, Pau dos Ferros e Caicó também devem permanecer nos quarteis nesta segunda.

Notícias semelhantes
Comentários
Loading...