Investigação

PF faz operação para prender 40 suspeitos de contrabando de cigarros

A investigação que resultou na operação começou em 2018.

A Polícia Federal (PF) faz nesta quinta-feira (8) no Rio Grande do Norte, Paraná e em Mato Grosso do Sul, uma operação para prender 40 suspeitos de contrabandear cigarros do Paraguai para o Brasil. No estado, os mandados são cumpridos em Mossoró, na região Oeste potiguar.

A operação foi batizada de ‘Teçá’, que faz referência a ‘estado de atenção, vigilância’, no idioma guarani, em razão da grande rede de olheiros, mateiros e batedores utilizados pelas quadrilhas, as quais monitoravam diuturnamente as atividades dos órgãos de fiscalização.

Conforme a PF, a quadrilha cooptou um policial, que está entre os alvos, e atuava com apoio de diversas pessoas que cuidavam a movimentação das forças de segurança nas rodovias. O grupo tinha significativa capacidade logística e a partir de Mato Grosso do Sul, distribuía o cigarro contrabandeado para outros estados.

Durante a ação de hoje, já foram apreendidos veículos, jóias, relógios e dinheiro. Todos os mandados de busca e apreensão foram expedidos pela 1ª Vara Federal de Naviraí.

A investigação que resultou na operação começou em 2018. De lá para cá foram apreendidos pelas polícias 155 veículos com cigarros contrabandeados e 75 pessoas foram presas. Ao todo, veículos e mercadorias apreendidas somam R$ 144 milhões.

Notícias semelhantes
Comentários
Loading...