Enxugamento

Justiça suspende fechamento de agências do Banco do Brasil

Decisão interessa aos mosoroenses pois unidade da Ilha de Santa Luzia integra lista

A Justiça do Maranhão determinou, nesta quarta-feira (3), a suspensão do fechamento das agências do Banco do Brasil em todo o País.

A liminar é uma resposta a ação ajuizada pelo Sindicato dos Bancários do Maranhão e foi proferida pelo juiz Douglas de Melo Martins, da Vara de Interesses Difusos e Coletivos da Comarca da Ilha de São Luís.

O presidente do sindicato, Eloy Natan, diz que esta é “uma importante vitória judicial“, que “reconhece a função essencial exercida pelo BB para o desenvolvimento econômico e social do Maranhão e do Brasil ainda mais em meio à pandemia do coronavírus“.

Em nota, o Banco do Brasil informou que “aguarda ser citado na ação para analisar o conteúdo da decisão judicial”.

A suspensão do fechamento de agências do Banco do Brasil interessa aos mossoroenses de forma direta. É que no plano de enxugamento da instituição, a agência Santa Luzia, localizada na Ilha de Santa Luzia, em Mosoró, está entre as que serão fechadas.

A unidade anda está em funcionamento. Seus atendimentos foram reduzidos com a pandemia. Atualmente, outras agências do banco na cidade aumentaram a oferta de serviços depois que houve recrudescimento da pandemia. O mesmo não se verificou na agência Santa Luzia, que a presidência do banco quer fechar.

Fechamento de agências – O sindicato maranhense entrou na Justiça após o BB ter informado, no dia 11/1, que aprovou um plano de reorganização para ganhos de eficiência operacional que prevê, entre outras medidas, o fechamento de 112 agências, além da criação de um Programa de Adequação de Quadros (PAQ) e de um Programa de Desligamento Extraordinário (PDE), com adesão de cerca de 5 mil funcionários.

Naquele momento, o banco informou que a implementação plena das medidas era prevista ainda para o primeiro semestre deste ano.

Notícias semelhantes
Comentários
Loading...