Nota potiguar

Governo quer aumentar arrecadação em R$ 84 mi

Campanha está estimulando o contribuinte a participar por meio da conscientização e da oferta de prêmios

O Governo do Estado espera aumentar a arrecadação em R$ 84 milhões até o final do ano com o projeto Nota Potiguar, campanha através da qual se buscará conscientizar o cidadão para pedir a nota fiscal da compra que fizer e inserir os dados (da compra e do comprador) em um aplicativo de celular.

O Governo informa que vem trabalhando no desenvolvimento e apresentação da Nota Potiguar desde o início do ano, primeiro com o lançamento do aplicativo e depois a parceria com os clubes de futebol do estado no início de maio.

Com o aplicativo Nota Potiguar, compatível com sistemas Android e IOS, que pode ser baixado gratuitamente, a população exercerá um papel fiscalizador ao informar o CPF e exigir a nota fiscal, além de ajudar uma instituição filantrópica de sua escolha. O objetivo maior é evitar a evasão de divisas e a coibir a sonegação fiscal.

Segundo o secretário de estado da Tributação, Carlos Eduardo Xavier, o Nota Potiguar conta com a parceria do comércio, indústria e prestação de serviços e afirma que com esse formato ”odos sairão ganhando com o Nota Potiguar”. O aplicativo da campanha já foi baixado por mais de 27 mil usuários, número comemorado pela Secretaria da Tributação.

O contribuinte está sendo estimulado a participar da campanha por meio da conscientização e da distribuição de prêmios. Cada R$ 50 acumulados valem um ponto. Mas, uma nota fiscal dá direito a, no máximo, cinco pontos. E durante todo o mês, o acúmulo máximo é de 50 pontos. Com a pontuação, é possível fazer reserva para os jogos de futebol no mês seguinte. O contribuinte pode escolher um dos times potiguares que estão participando do Campeonato Brasileiro (ABC, América, Globo e Santa Cruz).

Para cada ingresso, será necessário acumular R$ 150 em compras feitas a partir de 1º de junho. A reserva do ingresso será feita pelo próprio aplicativo. A contrapartida da parceria é a divulgação da marca da Nota Potiguar nas camisas dos clubes. Outra boa notícia é que o consumidor também poderá reverter os valores das notas cadastradas em descontos no IPVA. A próxima fase do programa prevê ainda sorteios de prêmios entre R$ 4 mil e R$ 50 mil.

Notícias semelhantes