Encontro

Fórum discute impacto de agrotóxicos e transgênicos na saúde do trabalhador

Na reunião foram discutidas questões como agroecologia, pulverização nas áreas rural e urbana e mortandade de abelhas.



Terminou ontem (14) no auditório da Procuradoria Regional do Trabalho em Lagoa Nova, a reunião da coordenação ampliada do Fórum Nacional de Combate aos Impactos dos Agrotóxicos e Transgênicos.

O objetivo do fórum é promover o debate de questões relacionadas aos agrotóxicos e transgênicos que resultem em ações concretas na saúde do trabalhador, do consumidor e do meio ambiente, em busca de um desenvolvimento sustentável.

Na reunião foram discutidas questões como agroecologia, pulverização nas áreas rural e urbana e mortandade de abelhas.

O Fórum é organizado pelo Ministério Público do Trabalho (MPT) e conta com a participação de servidores da Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap) que atuam na coordenação estadual.

Participam ainda servidores da Subcoordenadoria de Vigilância ambiental (Suvam), Coordenação Nacional de vigilância ambiental do Ministério da Saúde, além de procuradores do trabalho e os coordenadores dos Fóruns dos outros estados do Brasil.

Asscom/Sesap

 

 

 

Notícias semelhantes