Convenções definidas, candidaturas nem tanto

Os principais partidos que disputarão as eleições majoritárias em Mossoró já definiram as datas de suas convenções. O PP, da prefeita Rosalba Ciarlini, faz a sua dia 11. No dia 12, será a vez do Solidariedade, de Allyson Bezerra; no dia 13, o Partido dos Trabalhadores, da deputada Isolda Dantas, e no dia 14, o DEM, da ex-prefeita Cláudia Regina.

Outras agremiações, com candidaturas que ainda não aparecem bem nas pesquisas, também já definiram, em sua maioria, quando realizarão seus atos homologatórios. O Podemos oficializa amanhã, a candidatura de Bianca Negreiros, enquanto que o PTB confirma o nome da Irmã Ceição no dia 14/9.

De comum, entre todos, até agora, é que ninguém anunciou o nome do candidato a vice. Duas questões explicam esse fato. O primeiro é que a vaga em aberto é chamariz para a conquista de apoios. Outro aspecto, é que alguém pode recuar para somar com outro hoje pré-candidato(a).

Apesar de as convenções estarem definidas com data, horário e local, as candidaturas não estão fechadas. Ainda há muita costura sendo feita. Até o prazo final das convenções, muita coisa pode acontecer. Inclusive nada.

ROGÉRIO MARINHO

O prestigiado ministro de Bolsonaro, potiguar Rogério Marinho está sendo acusado pela prática de rachadinha, eufemismo criado para minimizar a prática de desvio de dinheiro público. Coincidentemente, Marinho é acusado pelo Ministério Público de ficar com dinheiro de assessores, além de utilizar funcionários-fantasmas quando era presidente da Câmara Municipal de Natal. Acusações semelhantes as que pesam contra o filho do seu patrão.

 

CANDIDATO À CÂMARA

Pelos nomes que tenho tido conhecimento, entre os muitos que vão disputar as próximas eleições buscando uma vaga na Câmara, boas opções não vão faltar. Há muita gente com luta em defesa de causas importantes. Que não se escolham os piores.

SERVIDOR PÚBLICO

Com a reforma administrativa na pauta do dia, é preciso que o servidor público tenha bastante consciência na hora de escolher prefeitos e vereadores. Ouvi-los sobre os serviços públicos – e os servidores – será fundamental para tomada de decisão. Em Mossoró, infelizmente, a gestão da prefeita Rosalba Ciarlini tem verdadeira aversão ao funcionalismo público.

CALOTE RECENTE

Entre os pré-candidatos a prefeito de Mossoró há gente que ainda não pagou envelopamento de veículos da campanha passada.

Notícias semelhantes
Comentários
Loading...