FGTS

Caixa pede novo prazo para elaborar cronograma de pagamento

Audiência estava marcada para essa terça-feira, 9/7; Justiça ainda não marcou nova data

A Caixa Econômica Federal (CEF) pediu, mais uma vez, reaprazamento de audiência judicial em que seria apresentado cronograma de pagamento do Fundo de Garantia Por Tempo de Serviço (FGTS) dos servidores públicos municipais. Essa é a segunda vez que a Caixa pede reaprazamento de audiência do FGTS.

Segundo a CEF não foi possível concluir o relatório contendo a lista de todos os beneficiários, com valores e opções de saque até o momento. A Caixa pediu ainda mais vinte dias para a conclusão do processo.

De acordo com o gerente geral da Caixa em Mossoró, Julierme Torres, o banco precisa de mais tempo para “processar os arquivos, organizar estrutura e segurança”.

O departamento jurídico do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Mossoró (SINDISERPUM) disse que somente no início da tarde desta segunda-feira (8/7) é que foi informado do pedido feito pela Caixa.

Com o reaprazamento (cuja data ainda não foi marcada pela Justiça) o sindicato cancelou a assembleia marcada para a quarta-feira, 10/7.

*Com informações da Assessoria do SINDISERPUM

Notícias semelhantes