Educação

UFRN cria curso técnico em processos fonográficos

O curso terá carga horária de 1.200 horas será dividido em seis semestres

O Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão (Consepe) da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) aprovou na terça-feira (18), a criação do curso técnico em processos fonográficos, vinculado à Escola de Música da UFRN.

Com carga horária de 1.200 horas e dividido em seis semestres, o curso em caráter experimental tem como objetivo geral formar “profissionais em gravação e sonorização para atuarem de forma crítica, criativa e inovadora em ambientes ocupacionais diversos nas áreas artística, cultural e musical”, conforme projeto de plano pedagógico também aprovado pelo Consepe.

De acordo com o plano, a formação atende à necessidade mercadológica e de recursos humanos para os múltiplos contextos onde o trabalho musical é desenvolvido. O ingresso acontecerá por meio de processo seletivo, cujas diretrizes e normas para inscrição serão definidas em edital específico. Poderão participar candidatos matriculados ou egressos do ensino médio, selecionados mediante provas de habilidades específicas nas áreas de áudio, eletrônica básica e acústica, além de conhecimentos básicos de música.

A estrutura curricular será composta por disciplinas como Elementos Básicos da Linguagem Musical; Sonorização; Prática de Estúdio; Edição de Partituras; Introdução à Gravação e Edição de Vídeo. Os alunos ainda irão cursar 240 horas de disciplinas optativas, que têm entre suas opções Análise Musical; Arranjos; Canto Coral; Empreendedorismo e Harmonia.

Notícias semelhantes
Comentários
Loading...