VIVA RIO BRANCO

Projeto agrega aulas de TAICHI e demanda é grande logo no começo

Estilo chinês colabora para melhoria na saúde, seja no âmbito psicológico, como também em problemas cardiovasculares

O projeto Viva Rio Branco, da Prefeitura municipal de Mossoró, leva ao público esportivo mais uma opção de lazer. São os aulões de Taichi, um estilo chinês de praticar a arte marcial objetivando o relaxamento, trabalhando os movimentos, a respiração e a meditação. O evento tem como palco a praça do Teatro Dix-huit Rosado, que leva o nome de Cícero Dias, no centro da cidade.

De acordo com o professor Aldo Gondim, titular da Secretaria de Esportes do município, essa atividade inaugurada no domingo, 17, é de grande importância para quem trabalha a respiração, o controle emocional e deve ser mantida dentro do Projeto Viva Rio Branco. Até por conta da presença do público que procurou participar.

O Taichi, na sua primeira aula, atraiu um público de 30 pessoas mas essa demanda tende a aumentar, de acordo com os organizadores da prática esportiva. Assim sendo, já é estudado a realização de pelo menos duas vezes ao mês. Um praticante da arte, Silvio Soares disse que estudos comprovam o Taichi na melhoria em quadros da ansiedade, artrite artrose, pressão arterial, entre outros casos.

SECOM/PMM

Notícias semelhantes