Investigação

Organização criminosa espionava políticos no RN

Polícia Civil deflagrou hoje a Operação Araponga, que resultou na prisão de um vereador e dois secretários municipais de Goianinha

Policiais civis da 6ª Delegacia Regional de Polícia (DRP) de Nova Cruz, com apoio da Divisão Especializada em Investigação e Combate ao Crime Organizado (DEICOR), deflagraram, na manhã desta quarta-feira (05), a Operação “Araponga”, que investiga uma organização criminosa suspeita de realizar interceptações telefônicas clandestinas e clonagem de redes sociais de autoridades e políticos da região Agreste Potiguar. Durante as diligências, foram cumpridos cinco mandados de busca e apreensão e um mandado de prisão preventiva.

No decorrer das investigações, realizadas pela 6ª DRP, foi identificada a existência de uma central de interceptações telefônicas clandestinas, que funcionava na praia de Pipa, em que números de agentes públicos eram interceptados de forma ilegal e desviados para um núcleo existente no município de Goianinha. Posteriormente, as informações eram processadas e repassadas para os contratantes dos serviços de espionagem; formados, majoritariamente, por agentes políticos da região Agreste. Os contratantes utilizavam dos serviços clandestinos da organização criminosa para observar de forma ilegal e obter informações privilegiadas de concorrentes políticos.

Dentre os alvos da Operação “Araponga”, foi preso por força de mandado de prisão preventiva, um profissional de Tecnologia da Informação (TI); foram alvos de mandados de busca e apreensão: um vereador de Goianinha, dois secretários municipais de Goianinha e um ex-prestador de serviços do Fórum de Goianinha. Segundo as investigações, os alvos dos mandados de busca e apreensão teriam contratado os serviços da organização criminosa para acompanhar os passos e articulações dos concorrentes políticos e possíveis autoridades.

A Polícia Civil solicita que a população continue enviando informações de forma anônima, através do Disque Denúncia 181. (Fonte: Comunicação Social da Polícia Civil)

Notícias semelhantes
Comentários
Loading...