Mulher com suspeita de Covid-19 foge de hospital

Paciente apresentava sintomas da Covid-19, mas se recursou a ficar em isolamento no HRTM

Uma mulher da cidade de Governador Dix-sept Rosado, encaminhada ao Hospital Regional Tarcísio Maia (HRTM) em Mossoró na última sexta-feira, com suspeita de contaminação pelo coronavírus, fugiu ontem daquela unidade hospitalar.

A mulher, cuja identidade está sendo preservada, fez os exames para a Covid-19, e foi orientada a ficar no hospital em isolamento até que o resultado dos teses chegasse ou houvesse melhora no seu quadro clínico.

Neste sábado,11/4, a referida paciente não aceitou mais ficar no hospital porque entendeu que não tinha necessidade de ficar lá, e contrariando as orientações, foi embora sem receber alta.

O Serviço Social do HRTM entrou em contato com a Secretaria Municipal de Saúde de Governador Dix-sept Rosado. A Vigilância Sanitária local identificou a residência da mulher, fez o primeiro contato, mas ela se negou a retornar ao HRTM. Foi necessário pedir ajuda policial para que ela fosse reencaminhada ao HRTM.


A Secretaria Municipal de Saúde de Governador Dix-sept Rosado divulgou nota sobre o fato.

Veja na íntegra:

“A Secretaria Municipal de Saúde vem a público esclarecer a toda população dixseptiense sob o fato ocorrido no dia de ontem com uma paciente suspeita de COVID-19. A paciente foi encaminhada para o Hospital Tarcísio Maia, onde fez exame e ficou internada, por sua vez a paciente evadiu-se do referido Hospital retornando para casa. O fato se dá por se tratar de uma pessoa sem conhecimento dos protocolos, e também por a mesma ter deixado em casa seus filhos dependentes.

O Hospital Tarcísio Maia contactou a Secretaria de Saúde, que por sua vez proveu a notificação e o encaminhamento da paciente para tratamento enquanto aguarda o resultado do teste, garantindo os devidos cuidados tanto com a mesma como com seus filhos dependentes.

Frisamos que o momento é crítico e requer de todos muita cautela e sabedoria, para que fatos como esses não se tornem alvos de injúrias”.

Notícias semelhantes
Comentários
Loading...