Governo

Mossoró recebe lançamento do Plano RN Inclusivo nesta segunda-feira

A proposta do Plano está alicerçada no programa de Governo, que estabelece como prioridade a execução das políticas públicas junto aos 167 municípios do Rio Grande do Norte.

Mossoró vai ser a segunda cidade do Rio Grande do Norte a receber o lançamento do Plano RN Inclusivo: Políticas Públicas e Inclusão Social. Nesta segunda-feira (22), a secretária da Administração, Virgínia Ferreira, acompanhada de equipe técnica do Executivo, fará o lançamento do Plano, às 9h, no Teatro Lauro Monte, localizado no Centro da cidade.

O RN Inclusivo foi idealizado pela Secretaria de Estado da Administração (Sead) e tem como proposta realizar ações associadas entre Governo do Estado, prefeituras municipais, Rede de Voluntariado das instituições estaduais de ensino superior e sociedade civil organizada. A ideia é, através de cooperação entre o Governo e as prefeituras, desenvolver atividades voltadas para qualificação profissional, melhoria da gestão pública e consolidação da cidadania.

A Rede de Voluntariado de instituições públicas de ensino superior, composta por professores voluntários da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), Universidade Federal Rural do Semi-Árido (Ufersa); Instituto Federal do Rio Grande do Norte (IFRN); Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN) e do Instituto Kennedy, que integra o Plano RN Inclusivo vai realizar ações de ensino, pesquisa e extensão, sob a responsabilidade de professores voluntários.

A proposta do Plano está alicerçada no programa de Governo, que estabelece como prioridade a execução das políticas públicas junto aos 167 municípios do Rio Grande do Norte. O objetivo principal do Plano é estabelecer um diálogo permanente entre os agentes públicos e a comunidade, por meio da promoção de capacitação e realização de eventos com foco nas políticas públicas e ações de inclusão, aprimorando e ampliando a consciência social, e o aperfeiçoamento profissional como instrumento de promoção institucional para a construção de uma sociedade mais consciente, justa e igualitária.

As atividades propostas nessa primeira etapa marcam o início de uma ação governamental cuja expectativa é a melhoria da qualidade de vida dos potiguares, de maneira que, no médio e longo prazo, as ações do Plano RN Inclusivo interfiram positivamente nos índices de Desenvolvimento Humano (IDH) e de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb), e na qualidade de vida em todo o território potiguar.

A Sead, que coordena o Plano e conduz a política de capacitação e formação de gestores e servidores públicos estaduais por meio da Escola de Governo, já dispõe de seu programa de ações. Sua equipe técnica identificará, juntamente com os demais atores que conduzem o Plano, as demandas prioritárias, proporá e executará as capacitações necessárias para os multiplicadores das ações nos municípios que aderirem ao RN Inclusivo. Outras secretarias e órgãos envolvidos ficarão responsáveis por elaborarem os seus programas.

Lançamento em Natal, Currais Novos e Caicó

Nesta sexta (19), ocorreu o lançamento do Plano em Natal, na Escola de Governo. Na ocasião, foram assinados o Protocolo de Intenções entre o Governo do Estado e a Federação dos Municípios do Rio Grande do Norte (Femurn) e o Termo de Acordo de Cooperação Técnica entre a Sead e as prefeituras municipais de Pedra Grande, Jundiá, Pureza, Paraú, Monte das Gameleiras e Macau, que, na oportunidade, já aderiram ao RN Inclusivo.

No evento, a governadora enfatizou o modelo e formatação do Plano: “Vai além da burocracia. Discute propostas, conceitos e saídas para as dificuldades. Deve envolver todos os órgãos e secretarias do governo e dos municípios em promoção da cidadania e da dignidade do povo do RN. Nossa geração está sendo desafiada. Conclamo todos a se engajarem. Vamos caminhar juntos”, afirmou.

A secretária estadual da Administração acrescentou que o Plano RN Inclusivo pretende reverter os baixos índices de Desenvolvimento Humano (IDH) e da Educação Básica (Ideb). “Estamos assumindo o desafio de trabalhar em conjunto, utilizando a estrutura e o Banco de Talentos da Escola de Governo, e a Rede de Voluntários, para promover qualificação e aperfeiçoamento dos servidores do estado e dos municípios”, disse Virgínia Ferreira.

O lançamento do Plano RN Inclusivo: Políticas Públicas e Inclusão Social será realizado também em Currais Novos, no dia 24 de julho, às 14h30, no auditório da AMSO, e em Caicó, no dia 25 de julho, às 9h, no auditório da 10ª Direc.

Notícias semelhantes