Adesão

Igrejas evangélicas passam a funcionar com 25% da capacidade

Medida foi anunciada na manhã de hoje na capital potiguar após reunião com prefeito Álvaro Dias

Após uma reunião agendada pelos deputados Albert Dickson, Carla Dickson, pastores das igrejas em Natal e o presidente da ordem dos pastores Pr Migue arcanjo, a prefeitura de Natal anunciou na manhã de hoje, 3, que a partir agora as igrejas e templos evangélicos passam a aderir ao decreto que reduz o número de pessoas em ambientes públicos. Com a medida, as igrejas passam a funcionar com apenas 25% de sua capacidade.

Segundo a assessoria da prefeitura, a adoção da medida restritiva aconteceu após uma reunião, onde foi levada em conta a gravidade referente ao número de casos confirmados da covid no Rio Grande do Norte. Foi ressaltado também, para adoção de mais essa medida restritiva, a falta de leitos, tanto na capital quanto em várias cidades do RN.

A gravidade da pandemia no Rio Grande do Norte foi assunto em destaque no noticiário nacional no dia de ontem. O novo decreto retoma as normas publicadas em dezembro do ano passado, que permite a realização de celebrações com público presente equivalente a 25% da capacidade.

Na semana passada, a igreja católica, através da arquidiocese de Natal, e dioceses de Mossoró e Caicó emitiram nota decretando a paralização das atividades presenciais. Segundo a nota, as celebrações passam a acontecer de forma virtual.

NÚMEROS

Nas primeiras horas da manhã de hoje, 3, todos os leitos críticos para casos de covid na capital potiguar estavam lotados. Em Mossoró apenas um leito disponível. Reforçando que, segundo informações da Secretaria de Saúde Pública do RN (SESAP), existem mais de 50 pacientes de covid na fila de espera aguardando um leito para internamento.

Notícias semelhantes
Comentários
Loading...