Educação

Escolas de Mossoró são finalistas na Feira Brasileira de Jovens Cientistas

Projetos da escola Hermógenes Nogueira e do Centro de Educação Profissional Francisco de Assis Pedrosa concorrem na área de Ciências Biológicas

Duas escolas da rede estadual de ensino do Rio Grande do Norte sob jurisdição da Décima Segunda Diretoria Regional de Educação e Cultura (12ª DIREC) concorrem com projetos finalistas na Feira Brasileira de Jovens Cientistas. Os projetos são da Escola Estadual Professor Hermógenes Nogueira da Costa e do Centro Estadual de Educação Profissional (CEEP) Professor Francisco de Assis Pedrosa.

O projeto do CEEP é da área de Ciências Biológicas, e tem como título “Canudo biodegradável à base de fibra da fibra de coco: cocanudo”, e visa a produção de um canudo biodegradável a base da fibra do coco, a fim de solucionar problemas ambientais causados pelo plástico e os socioambientais consecutivos de um descarte irresponsável do mesocarpo do coco. Clique e acesse no projeto para votar: https://fbjc.com.br/mostraDetalhes.php?projeto=462.

Também da área de Ciências Biológicas, o projeto da Escola Estadual Hermógenes Nogueira, denominado “Reaproveitamento de resíduos de madeira na fabricação de bioplásticos destinados à confecção de couro vegetal” prevê a fabricação de um bioplástico que apresenta características físicas semelhantes a um couro vegetal, a fim de substituir o uso do couro por uma alternativa sustentável. Para obtenção do bioplástico, foi utilizado também o pó de serragem, que é desperdiçado nas serrarias. Clique no link a seguir para acessar e votar no projeto: https://fbjc.com.br/mostraDetalhes.php?projeto=224.

Dos 300 projetos finalistas, 3 são de escolas de Mossoró, sendo dois de unidades da rede pública de ensino e um da rede privada. Acesse a página da feira: https://fbjc.com.br/index.php.

Notícias semelhantes
Comentários
Loading...