Fugitivo

Condenado a 80 anos de prisão é recapturado pela DHPP na região do Seridó

Alysson foi condenado pelo Tribunal do Juri Popular a 80 anos de prisão por ter matado no ano de 2013 duas pessoas, entre elas uma criança de 02 anos, além de ter baleado outras duas.

Policiais da Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) de Mossoró, sob o comando dos delegados Rafael Arraes e Liana Aragão, com apoio do GTO da PM de Jardim de Piranhas, recapturaram na tarde desta terça-feira (25), naquela cidade da região do Seridó Potiguar, o fugitivo da Cadeia Pública de Mossoró, Alysson Kleyton Dantas de Oliveira de 23 anos.

O mesmo foi condenado pelo Tribunal do Juri Popular a 80 anos de prisão por ter matado no ano de 2013 duas pessoas, entre elas uma criança de 02 anos, além de ter baleado outras duas, durante um tiroteio em uma vila no bairro Barrocas em Mossoró. No final, a pena ficou fixada em 30 anos de acordo com a legislação brasileira.

Na ocasião, foram mortos: Deyse Kelly Felix da Silva, na época com 2 anos e 4 meses (morreu após ser liberada do Hospital Tarcísio Maia); João Maria da Silva, comerciante na época com 47 anos (morreu no local e não tinha nada a ver com o caso). Ainda na ocorrência foram baleados: Jeferson Vieira Lopes, o Jefinho, na época com 16 anos, posteriormente terminou sendo assassinado, e Gabriel Cosme da Silva Oliveira, estudante de 17 anos.

Após ser julgado e condenado, Alysson Kleyton foi encaminhado à Cadeia Pública e posteriormente seria transferido para cumprir a pena em regime fechado da Penitenciária Mário Negócio, mas conseguiu fugir antes mesmo de ser transferido.

Sua fuga aconteceu no dia primeiro de janeiro de 2016 e até a data de ontem (24) não havia sido recapturado. Após receber informações sobre o paradeiro do homicida, considerado pela polícia como perigoso, a equipe da DHPP de Mossoró se dirigiu até a cidade de Jardim de Piranhas, na qual conseguiu recapturar o fugitivo.

Fim da Linha