Caicó

Comissionados são exonerados após furar fila da vacinação

Além de conseguir o imunizante, demitidos postaram fotos nas redes sociais sendo vacinados

Dois servidores comissionados da prefeitura de Caicó, na região do Seridó potiguar, foram exonerados por furarem a fila de vacinação contra a Covid-19. Almir Pereira de Araújo Neto e Jedson Juan Alves Cardoso tomaram a vacina, mesmo sem integrarem o grupo prioritário dessa primeira fase da campanha, e ainda postaram o feito nas redes sociais.

A repercussão do caso foi a pior possível, o que forçou o prefeito Doutor Tadeu (PSDB) a publicar portaria demitindo os espertalhões.

Foram exonerados Almir Pereira de Araújo Neto, que era subcoordenador de Saneamento e Oficina Sanitária, e Jedson Juan Alves Cardoso, que dirigia um dos departamentos da Central de Abastecimento Farmacêutico.

De acordo com a prefeitura, Almir Pereira e Jedson Luan, apesar de não estarem na linha de frente de combate à pandemia, participam do esquema logístico de distribuição das doses e que, portanto, terão contato com pessoas do grupo de risco para a doença nos próximos dias, para o esquema de vacinação.

Mesmo assim, com a repercussão, o prefeito decidiu demitir os profissionais – em função da exposição da imunização nas redes sociais.

CAPITAL – O Sindicato dos Servidores Públicos de Natal (Sinsenat) afirmou à imprensa que recebeu denúncia de que pessoas que não compõem o grupo prioritário também estão furando a fila da vacinação na capital do Estado.

Segundo a entidade, a imunização das pessoas que não se enquadram na fase 1 da vacinação ocorre depois que a própria prefeitura de Natal informou que a primeira dose deve ser aplicada prioritariamente nos servidores da saúde que atuam diretamente na pandemia, além de idosos que vivem em abrigos de longa permanência. A prefeitura de Natal disse que vai apurar as denúncias.

O próprio prefeito Álvaro Dias (PSDB) tinha anunciado que iria ser um dos primeiros a ser vacinado para incentivar a população. A declaração repercutiu mal e ele voltou atrás.

Notícias semelhantes
Comentários
Loading...