violência doméstica

Campanha Sinal Vermelho será lançada na próxima sexta-feira

Iniciativa objetiva fazer com que mulheres vítimas de violência doméstica, peçam ajuda nas farmácias e em ambientes de saúde

Um dos grandes male da sociedade, a violência doméstica aumentou de forma assustadora durante a pandemia. Para inibir esse tipo de mal, o Conselho Nacional de Justiça (CNJ) e a Câmara Federal lançam na próxima sexta-feira, 14/8, a Campanha Sinal Vermelho.

A solenidade, às 15h, vai acontecer de forma virtual, e marcará a oficialização da campanha no Rio Grande do Norte. Participarão do ato várias entidades e personalidades que abraçam a bandeira do combate à violência doméstica, como a Conselheira do CNJ, Maria Cristiana Ziouva, uma das idealizadoras da Campanha, e Renata Gil, da Associação dos Magistrados do Brasil (AMB), dentre outras.
A campanha “Sinal Vermelho“ será lançada no Rio Grande do Norte, dentro da programação do Agosto Lilás, mês de combate à violência contra a mulher.

A campanha tem como objetivo, fazer com que mulheres vítimas de violência doméstica, peçam ajuda nas farmácias e em ambientes de saúde. As vítimas podem pedir socorro com um “X” na mão, ou feito em um pedaço de papel com batom ou caneta no tom vermelho.

No Rio Grande do Norte, os casos de violência doméstica, aumentaram em mais de 260%, segundo a Promotoria da mulher. Precisamos ampliar os meios de denúncia, e ajudar mais mulheres.

No Rio Grande do Norte, a campanha está sendo encabeçada pela deputada federal Carla Dickson (PROS), que propôs, quando era vereadora, o mês de agosto como mês de combate à violência doméstica no município de Natal.

Notícias semelhantes
Comentários
Loading...