Baterias recarregadas

Depois de um bom período de férias, voltamos e estamos de baterias recarregadas para seguir com o legado da comunicação. A missão de não incutir nos outros a nossa forma de pensar e entender o mundo, mas levar informações que façam o leitor refletir e tirar suas próprias conclusões do que é fato e por isso vira notícia.

Isso posto, sempre de cabeça erguida ficando feliz com o reconhecimento e respeitando os contrários, vamos caminhar com olhar atento no futuro. Sim, paremos de olhar para trás. Assim como eu, você também já sabe onde esteve. Agora precisa saber aonde vai. Façamos então essa caminhada juntos, concordando e discordando, porém sempre juntos e absolvendo aquilo que não é parte do nosso cotidiano, mas tem sempre algo que podendo deve ser aproveitado. Converse, essa pode ser a saída.

ONTEM PEDRA, HOJE VIDRAÇA

Passeando pelos mais diferentes canais de informação, encontro notícias sobre o desempenho da deputada estadual Isolda Dantas (PT) que é ex-vereadora de Mossoró. Jornalistas que acompanham a rotina da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte não fazer uma avaliação positiva do desempenho da parlamentar. Dizem, por ser hoje situação e ter uma vida inteira de oposição, seu mandato ficou sem discurso, afinal precisa dizer sim senhora para sua liderança maior no RN, a governadora Fátima Bezerra.

É amigo, esse é o preço da política para quem um dia foi “pedra” e hoje é “vidraça”. Quem acompanha a política sabe da forma agressiva e considerada por alguns radical, que Isolda sempre se utilizou quando era oposição. Fica então a dúvida para o seu próximo projeto de ser prefeita de Mossoró, ou seja, ela agora na trincheira de oposição enxerga erros que precisam ser combatidos no governo municipal, porém quando eleita, o que fará? Terá o mesmo comportamento como deputada, ou seja, fará uma administração vazia, como dizem hoje seus críticos? Perguntar não para Imposto de Renda.

Em tempo: Se alguém duvida, leia o blog de Gustavo Negreiros e a nota – Isolda perdida.

A FORÇA DO TURISMO

Dentro do próprio Rio Grande do Norte vivemos situações opostas. Na chamada Costa Branca encontramos excelentes praias e cidades de certa forma bem estruturadas, em comparação com outras do litoral, porém sem nenhuma vida turística, só promessas e desenhos de uma programação que nunca saem do papel. Cito as cidades de Tibau, Grossos, Areia Branca e Macau.

Mas, aqui em terras potiguares reputo como exemplo a praia de Pipa. Em plena segunda-feira uma vida intensa nos diferentes ramos comerciais. Isso começando das primeiras horas do dia e entrando pela vida noturna. Um exemplo a ser seguido desde que exista interesse real de desenvolver o turismo na região, e não apenas falácias. Os anos passam e a praia de Pipa mantém vivo o interesse do seus visitantes.

UMA LUZ NO CAMINHO TRICOLOR

A fera anda ferida, porém ainda respira. Como diz o poeta “o pulso ainda pulsa”. Estou me referindo ao time do Baraúnas que não disputou o Campeonato Estadual de futebol profissional da primeira divisão do Rio Grande do Norte em 2019 e, deixando a todos preocupados, também não conseguiu participar da divisão de acesso. Mas, ainda respira.

Foi o que ouvi de um dos seus novos dirigentes, Damásio, em entrevista aos radialistas Dantas Júnior e Ênio Ticiano na FM Santa Clara 105. Com todas as letras ele garantiu que o Leão do Oeste vem se estruturando e ladrilhando o caminho da volta. E, foi mais além, diz que volta forte equipado com um dos mais modernos Centro de Treinamento do Nordeste. Como não observo elementos para duvidar, vamos então acreditar e esperar, pois existe um luz no caminho tricolor. Solta o leão!!

MOSSORÓ E O SELO UNICEF

Periodicamente, por força de um dispositivo legal, a secretaria municipal de saúde envia até a Câmara Municipal de Mossoró um representante para expor sua prestação de contas, daquilo que vem sendo feito no setor. No último encontro a boa notícia é de que caiu a taxa da mortalidade infantil em Mossoró. Em números essa queda foi significativa saindo de 17.0 em 2017 para 7.7 agora em 2019.

A importância desses dados apresentados durante Audiência Pública alcançam diferentes patamares. Um deles é o fato de ser o principal referencial para avaliar se o município investe bem em Atenção Básica e, com esses dados, poder pensar em recuperar para Mossoró o Selo Unicef. Com este selo o município acaba atraindo novos e mais investimentos do Ministério da Saúde. Sendo assim, que todas as secretarias possam trabalhar focadas neste objetivo. As crianças e o futuro de Mossoró merecem isso.

III SEMINÁRIO SOBRE RPPS EM MOSSORÓ

Mossoró se prepara para sediar a III edição do Seminário sobre Regime Próprio de Previdência Social do Previ Mossoró. O tema central já foi definido e versara sobre “Previdência Social: Direitos, Regimes, Fiscalização e Reformas”. O seminário acontece nos dias 11 e 12 de setembro e as inscrições já estão abertas. Quem tiver o interesse de participar poderá se inscrever pelo telefone 3315-3315 ou pelo site servicosocialprevi@gmail.com.

A programação começa com acolhida e café da manhã, dia 11, a partir das 8h com abertura oficial trinta minutos depois. A primeira palestra acontece às 8h45 com o tema “Previ Mossoró Seus benefícios, serviços e projetos”, seguido de debate a partir das 11hrs. No período da tarde, 13h30, “Balanço e estatísticas sobre a perícia médica dos Previ Mossoró. 14h30, Inteverlo Coffee Break retornando 15h – Atuação do Tribunal de Contas do Estado na fiscalização dos RPPS. Seguido de debate. No dia 12, começa 8h café da manhã, 8h30 – Reforma da Previdência: o que pode mudar? Em seguida, 10h30, tem início o último debate.

MENSAGEM

“Suas crenças não fazem de você uma pessoa melhor, as suas atitudes sim.” Chico Xavier.

MPF E O VIDEOMONITORAMENTO

A briga entre condutores de veículos e os órgãos fiscalizadores segue gerando novas decisões com reflexo geral no trânsito nas três esferas, ou seja, federal, estadual e municipal. Agora o Ministério Público Federal conseguiu na justiça suspender multas e o serviço de fiscalização por videomonitoramento. A ação foi movida contra a Autarquia Municipal de Trânsito e Cidadania de Fortaleza e a União.

A decisão foi baseada na Constituição Federal que protege o direito à intimidade e à privacidade em seu artigo 5º do qual traremos detalhes no último tópico, quando abordando pontos de nossa lei. Olha, nada disso seria preciso se existisse educação no trânsito. As leis não seriam tão rigorosas e as instituições não teriam, como dizem, como montar a “indústria da multa”. É fácil para o péssimo comportamento no trânsito dizer que o outro é culpado e quer ganhar dinheiro com isso. Façamos nossa parte.

RODOVIAS ESTADUAIS EM RECUPERAÇÃO

Uma boa notícia para os potiguares e todos aqueles compatriotas que, por algum motivo, utilizam as rodovias estaduais que cortam o Rio Grande do Norte. A governadora Fátima Bezerra anunciou um programa de recuperação das rodovias e pretende concluir o serviço até o final do ano, para isso investindo R$ 13 milhões. Que os anjos digam amém!

E a proposta da governadora vai mais adiante. Diz que não se restringirá ao serviço de tapa-buraco. Nada disso, ela garante que haverá em seguida um calendário de manutenção da malha viária estadual executado pelo Departamento de Estradas e Rodagens-DER. Torçamos para que tudo se concretize e, por exemplo, o trecho entre Gangorra (Tibau) até Grossos e de Grossos até Tibau passando pelas salinas, sejam incluídos. Se não ficar só na conversa, é uma obra importante e cumpre assim com a obrigação de gestora, não é nenhum favor.

FRACASSO NO BRASILEIRÃO

A temporada 2019 não foi nada boa para o futebol do Rio Grande do Norte. Fracasso geral dos representantes locais nas diferentes divisões do Campeonato Brasileiro. Não sobrou sequer um time para trocar gozação entre torcedores, afinal todos se deram muito mal em suas participações. Fracasso do América que agora foca sus atenções em seu estádio e, pior ainda, para ABC e Globo que foram rebaixados.

Enfim, o momento é de reflexão, pensar o que vem sendo feito de errado e se é possível, com pouco dinheiro, corrigir. O certo é que o futebol potiguar nesse momento vem sendo nivelado por baixo e nossos dirigentes precisam ser inteligentes para driblar a crise.

CONHECENDO A LEI

A polêmica da fiscalização no trânsito e multa por videomonitoramento que chegou as barras da justiça, nos leva ao tema de hoje sobre o último tópico da nossa coluna que sempre traz uma dica de conhecimento do que diz o ordenamento nacional. Então, isso posto, já podemos dizer que a decisão do juiz federal no Ceará sobre a questão do trânsito se baseia no rico Artigo 5º da Constituição Federal de 1988.

O artigo traz em seu inciso “X” base na qual o magistrado sustentou sua decisão. Confira:  “X – são invioláveis a intimidade, a vida privada, a honra e a imagem das pessoas, assegurado o direito a indenização pelo dano material ou moral decorrente de sua violação”. O direito à privacidade compreende a tutela da intimidade, da vida privada, da honra e da imagem das pessoas. Segundo René Ariell Dotti, a intimidade se caracteriza como “a esfera secreta da vida do indivíduo na qual este tem o poder legal de evitar os demais”. Se ligue nos seus direitos, essa é a dica.

 

Notícias semelhantes