Em Mossoró

Vacinação segue incluindo novos grupos

Devido a quantidade insuficiente da Coronavac, idosos que precisam tomar a segunda dose, estão sendo selecionados por tempo de atraso

O Programa de vacinação contra a Covid-19, em Mossoró, está contemplando contempla a partir de hoje, 3, gestantes e puérperas com comorbidades. A imunização do novo grupo, assim como as pessoas com comorbidades diversas, está acontecendo nas unidades básicas de saúde (UBSs). Enquanto isso, a segunda dose da Coronavac e a imunização de pessoas com Síndrome de Down e com deficiências estão ocorrendo no ginásio do SESI, no bairro Doze Anos. 

De acordo com a secretária municipal de Saúde, Morgana Dantas, devido a pouca quantidade de doses do imunizante do Butantan a vacinação hoje é toda destinada a atender idosos que tomaram a primeira dose nos dias 25, 26 e 27 de março. “Recebemos apenas 480 doses de Coronavac no final de semana para a segunda dose. Por isso serão imunizados apenas idosos de 60 anos ou mais que estão com 11, 10 ou 9 dias de atraso. Estamos vacinando conforme orientado pelo Ministério da Saúde e a Secretaria Estadual de Saúde”, explicou.

A mãe da economista Ana Luzia Gurgel conseguiu tomar a segunda dose da Coronavac. Para a felicidade da filha que estava preocupada com a perda do prazo. Ela elogiou a organização vista no ginásio do SESI: “Está muito organizado. Eu até esperei que ia passar o dia aqui na fila e em 40 minutos mamãe já tomou a segunda dose vacina”, disse Ana Luzia.

No último final de semana, a campanha Mossoró Vacina teve 11 unidades básicas de saúde abertas. Foram aplicadas 2.042 doses, a maioria em pessoas pertencentes ao grupo das comorbidades da faixa etária de 55 anos ou mais, ou seja, com diabetes, hipertensão, pneumopatias crônicas graves, doenças cardiovasculares, cerebrovascular e ainda, imunossuprimidos, anemia falciforme, obesidade mórbida e com doenças renais crônica.

Estas comorbidades se juntam aos dois primeiros grupos das pessoas com comorbidades que começaram a ser vacinados na semana passada com doses da vacina Astrazeneca/Oxford: pessoas com deficiência e também com Síndrome de Down.

Notícias semelhantes
Comentários
Loading...
Page Reader Press Enter to Read Page Content Out Loud Press Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out Loud Press Enter to Stop Reading Page Content Out Loud Screen Reader Support