Nas UBSs

Patrulhamento é reforçado para evitar roubo de vacinas

Reforço foi adotado nas unidades locais para impedir que ocorra nas unidades locais o que aconteceu em Natal

O programa de vacinação contra a covid-19 em Mossoró, passa a contar com um reforço no patrulhamento em todas as Unidades Básicas de Saúde (UBSs) do município. O serviço de segurança está sendo desenvolvido pela Guarda Civil Municipal por determinação da Secretaria Municipal de Segurança Pública, Defesa Civil, Mobilidade e Trânsito (SMSPDCT).

A medida, segundo o comandante da Guarda Civil, Thiago Fernandes, tem como objetivo garantir a segurança da população e dos profissionais que atuam no programa de vacinação contra covid-19. O reforço também visa prevenir possíveis ocorrências como a que aconteceu no dia 22 deste mês na capital do estado, quando bandidos armados roubaram doses da vacina contra covid-19.

O comandante da Guarda Civil, ressalta também que o policiamento também acontecerá nos finais de semana. “A Guarda Civil Municipal está intensificando o patrulhamento nas UBS’s da zona urbana e rural. Fazemos esse trabalho para garantir que os profissionais possam fazer seu trabalho com mais tranquilidade. Inclusive vamos realizar os patrulhamentos nos finais de semana”, relatou Thiago Fernandes.

EM NATAL – Na segunda-feira, 22, bandidos armados invadiram uma UBS localizada na Vila de Ponta Negra em Natal, e roubaram 20 doses do imunizante Coronavac. De acordo com relato das vítimas, antes do roubo ser concretizado, os supostos ladrões já teriam ido a unidade, mas sem sucesso.

O primeiro caso, a tentativa de roubo, na unidade, foi comunicado pelos profissionais da UBS à polícia, mas nenhuma providência foi adotada para evitar que horas depois o roubo das vacinas fosse concretizado. Suspeitos foram presos, porém, as doses roubadas não foram recuperadas.

a enfermeira presenciou duas investidas de ladrões que buscavam por vacinas na Unidade Básica de Saúde (UBS), na Vila de Ponta Negra, onde atua em Natal. A segunda tentativa foi a mais grave: ela e um colega foram rendidos por bandidos Na armados que levaram 20 doses do imunizante Coronavac. Dois suspeitos foram detidos, mas o medicamento contra o coronavírus não foi recuperado.

Notícias semelhantes
Comentários
Loading...