Reforma da Previdência

Maioria dos deputados do RN decide pela reforma

Apenas Natália Bonavides (PT) e Rafael Mota (PSB) votaram contra a proposta, que prejudica os trabalhadores

A maioria dos deputados potiguares ratificaram, na madrugada desta quarta-feira, (7/8), seu desejo de acabar com a aposentadoria dos brasileiros. Dos 6 parlamentares do Rio Grande do Norte, apenas Natália Bonavides (PT) e Rafael Mota (PSB) votaram contra a Reforma da Previdência, a exemplo do que fizeram na votação em primeiro turno.

Beto Rosado (PP), Benes Leocádio (PRB), Fábio Faria (PSD), General Girão (PSL), João Maia (PL) e Walter Alves (MDB) votaram pela proposta, em segundo turno. No primeiro turno, apenas Girão, que estava de licença médica, não votou.

O texto principal da reforma da Previdência foi aprovado em segundo turno na Câmara dos Deputados. A Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 6/2019, que recebeu 379 votos favoráveis e 131 contrários no primeiro turno, desta vez foi aprovada por um placar de 370 a 124, com uma abstenção.

Aprovado o texto principal, os deputados agora partem para a análise dos destaques. No segundo turno, os destaques não podem acrescentar, apenas retirar pontos do texto. Mesmo assim, só a oposição apresentou sete propostas de mudanças ao texto. A ideia é retirar da reforma pontos que são considerados prejudiciais para os trabalhadores e os pensionistas.

 

Notícias semelhantes
Comentários
Loading...