Caso F.Gomes

Justiça condena a 14 anos de prisão advogado acusado de planejar morte de radialista

O radialista Francisco Gomes de Medeiros, o F.Gomes foi morto em outubro de 2010

O advogado Rivaldo Dantas de Farias foi condenado em júri popular realizado ao longo de terça-feira e madrugada desta quarta-feira (11) a cumprir 14 anos de prisão em regime fechado.

Ele é um dos quatro réus acusados pela morte do radialista Francisco Gomes de Medeiros, o F.Gomes, que foi assassinado em outubro de 2010, na cidade de Caicó, região Seridó potiguar.

O julgamento ocorreu no Fórum Desembargador Miguel Seabra Fagundes, em Natal. Segundo o Ministério Público, a morte de F. Gomes foi encomendada por um ‘consórcio’ de pessoas que se uniram contra ele.

Notícias semelhantes