Paralisação

Greve dos professores deixa mais de 5 mil alunos sem aulas em Mossoró

Professores da rede municipal estão em greve em Mossoró, na região Oeste do Rio Grande do Norte. Com a paralisação das atividades, cerca de 5 mil estudantes estão sem aulas.

O levantamento foi divulgado pelo Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Mossoró. Esse número, segundo a presidente da entidade Marleide Cunha, cresce a cada momento.

A sindicalista destaca que como a paralisação foi iniciada nesta sexta-feira, os dados do turno vespertino estão sendo contabilizados aos poucos. Além disso, o comando de greve tem visitado as escolas para seguir conscientizando os docentes.

Segundo ela, a decisão da prefeita Rosalba Ciarlini de se negar a conceder o reajuste do Piso Salarial Nacional Profissional do Magistério no percentual definido pelo MEC, é “vergonhosa”.

Marleide ainda lamentou que a chefe do Executivo venha se negando a dialogar e somente ter encaminhado o projeto de reajuste após os docentes terem decidido pela greve. Ela destaca ainda que o não atendimento a outras demandas da categoria (respeito ao Plano de Carreira, Cargos e Salários), a intransigência em negociar e o desrespeito para com os servidores foram determinantes para que os docentes resolvessem paralisar suas atividades por tempo indeterminado.

Notícias semelhantes