Coronavac

Governo Federal não demonstra interesse em novo lote de 54 milhões de doses de vacina

Butatan informou que se Ministério da Saúde não responder a ofício até o fim desta semana, imunizante será negociado com outros países

O Governo Federal, via Ministério da Saúde, ainda não demonstrou interesse na aquisição de um novo de vacinas a ser produzido pelo Instituto Butantan.

De acordo com o presidente do Butantan, Dimas Covas, o órgão já ofereceu as novas doses do imunizante Coronavac ao Ministério da Saúde, que até agora não respondeu se vai querer o produto. As informações são da DW Brasil.

De acordo com a agências de notícias, Dimas Covas revelou que se o Ministério da Saúde não sinalizar até o fim desta semana que irá adquirir esse lote de 54 milhões de doses da Coronavac, os imunizantes serão exportados para países vizinhos, como a Argentina.

O contrato entre o ministério e o Butantan prevê entrega de 46 milhões de doses até abril. Esse novo lote seria entregue até metade do ano. A oferta ao governo brasileiro foi feita semana passada.

Dimas Covas informou que o Butantan enviou ofício ao Ministério da Saúde solicitando resposta sobre o interesse na aquisição. Já o ministério revelou que ainda está dentro do prazo para manifestar interesse.

Ainda segundo o Butantan, a necessidade de uma resposta até a o fim desta semana advém da necessidade de o instituto se preparar logisticamente com antecedência para produzir o imunizante e entregar no prazo previsto.

Em face do silêncio do Brasil, o Butantan já abriu negociações com outros países vizinhos, como a Argentina.

Notícias semelhantes
Comentários
Loading...