Controle

Escolas do município serão higienizadas

Sistema de higienização visa combater a presença de vírus que provocam doenças respiratórias

As escolas da Rede Municipal de Ensino de Mossoró serão sanitizadas a partir de junho. A ação será desenvolvida pelo Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN), por meio da 2ª Promotoria de Justiça da Comarca de Mossoró, em parceria com a Cruz Vermelha e a Secretaria Municipal de Educação (SME). O processo de higienização terá como objetivo combater a disseminação de doenças respiratórias provocadas por vírus, principalmente, o novo coronavírus, além ácaros, fungos e bactérias.

A equipe da SME se reuniu virtualmente com representantes da Cruz Vermelha, na última sexta-feira, 21, para elaboração de um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC). Durante a reunião ficou assegurado que será feita a sanitização das unidades educacionais como indenização por dano moral coletivo ao consumidor decorrente de Ação Civil Pública.

As unidades educacionais serão beneficiadas com o sistema de higienização com base nos critérios estabelecidos pelas proponentes da ação, que engloba o limite de área construída. As escolas começarão a ser desinfectadas a partir da segunda semana de junho com previsão de término em agosto deste ano. Além da desinfecção das escolas municipais, um funcionário de cada unidade de ensino, beneficiada com o sistema, receberá um curso de capacitação sobre prevenção ao contágio e propagação da Covid-19.

Para a secretária Municipal de Educação, Hubeônia Alencar, essa é mais uma importante ação da SME no sentido de preparar as unidades de ensino para um eventual retorno presencial. “A junção de forças dos diversos setores da sociedade em prol da educação é algo que defendemos, pois entendemos que a educação deve acontecer de fato em rede, unindo os diversos segmentos da sociedade, principal beneficiária”, Ressaltou Hubeônia.

De acordo com a secretária, a elaboração do Plano de Retomada, a manutenção predial e a reforma nas escolas e UEIs, a aquisição de material de biossegurança estão entre as ações da SME em 2021, que se prepara para o eventual retorno presencial. “Estamos nos preparando e ficaremos a depender da situação de pandemia e da vacinação dos profissionais da educação”, destacou.

Em Mossoró, mais de 20 mil alunos da Rede Municipal de Ensino de Mossoró continuam com aulas remotas. Segundo a secretária, ainda não há previsão de data para a retomada das atividades presenciais de forma híbrida nas escolas e Unidades de Educação Infantil (UEIs). Hubeônia reforça que o Plano de Retomada das Aulas Presenciais da Rede Municipal de Ensino já foi elaborado pela SME, reunindo todas as recomendações sanitárias e medidas de biossegurança.

Notícias semelhantes
Comentários
Loading...