Prevenção

Avenida Leste Oeste volta a ser interditada para serviços

Obra de drenagem está sendo realizada no trecho com o objetivo de reduzir os alagamentos por conta das chuvas

Um trecho da Avenida Leste Oeste foi novamente parcialmente interditado para dar continuidade as obras de drenagem no setor. Os serviços que estão sendo executados pela Secretaria de Infraestrutura e Serviços Urbanos, tem como objetivo reduzir os alagamentos que ocorrem sempre que chove na cidade.

O trecho em obras, hoje fica nas proximidades da Central de Abastecimento (COBAL). No local foram retiradas as tampas de concreto que tinham pouca eficiência para o escoamento da água, e no lugar das bases de concreto, foram colocadas grelhas móveis que proporcionam um melhor escoamento e facilita a limpeza das galerias.

A interdição do trecho conta com o serviço da Secretaria de Segurança, Defesa Civil, Mobilidade e Trânsito através da Gerência de Tráfego. Segundo informações da secretara, o bloqueio se torna necessário para prevenir a ocorrência de acidentes envolvendo os operários, pedestres e motoristas.

A via foi sinalizada com cones e placas que indicam obras no local. O diretor executivo de mobilidade urbana, Luís Correia, lembra que os condutores devem redobrar a atenção ao passar pela área. “Atenção redobrada na região. A via está totalmente sinalizada com cones e também conta com a presença do agente de trânsito. A mobilidade ficará reduzida por 15 dias”, disse.

A interdição do trecho da Leste Oeste está sendo notificado aos motoristas que dispõe do aplicativo WAZE. A notificação via aplicativo visa evitar transtornos aos motoristas que trafegam pelo setor. “Quem tem o aplicativo Waze já foi notificado sobre o bloqueio. É válido o condutor buscar rotas alternativas. Como a mobilidade está reduzida, o usuário vai ter dificuldade em trafegar pelo local. Quem usa o aplicativo, já recebeu orientações sobre qual rota será mais viável naquele momento”, destaca Luís Correia.

Notícias semelhantes
Comentários
Loading...