Plano

Assembleia Legislativa prepara retomada das atividades presenciais

Poder Legislativo funcionará das 8h às 16h; data de reinício ainda não está definida

A Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte (AL/RN) está finalizando o plano de retomada das atividades presenciais. Dentro do planejamento, a Divisão de Saúde e Políticas Complementares iniciou semana passada o censo em saúde para os servidores. Um formulário com diversas perguntas relativas à saúde está sendo enviado online para os servidores de todos os setores e irá contribuir com a progressão do plano de retomada, que está em construção adiantada pelo Comitê dos Servidores para Prevenção e Combate à Covid-19.

“Esse censo da saúde é de suma importância para termos um perfil do servidor a fim de elaborarmos um plano específico e com as particularidades, traçando uma reabertura com muita segurança”, afirmou o diretor de Políticas Complementares da ALRN, Ricardo Fonseca

De acordo com o diretor, o plano de retomada está na sua fase final e ficando extenso porque inclui não somente a sede do Legislativo, mas os anexos, a Escola da Assembleia e a Fundação Djalma Marinho. “É um plano bastante abrangente e eficaz porque está sendo elaborado através de recomendações e de pesquisas que os componentes fizeram em instituições como Sebrae, Sesi, Senai, Ministério da Saúde e outros órgãos públicos’, explica o diretor.

A Assembleia irá funcionar das 8h às 16h, mantendo parte dos servidores em teletrabalho e outra parte presencial de acordo com a necessidade do setor e avaliação do chefe imediato. A data do reinício das atividades presenciais ainda não foi definida.

O formulário está sendo enviado pela Coordenadoria de Gestão de Pessoas e dará subsídios para as estratégias que estão sendo elaboradas para a retomada. Os dados vão mostrar, por exemplo, quais setores têm mais servidores no grupo de risco, quantas pessoas já têm imunidade, entre outros, para formar um panorama geral.

A atuação do Comitê vai garantir a retomada gradual com segurança. Formado por 19 servidores de 12 setores da Casa, suas reuniões estão acontecendo por videoconferência e o plano que está sendo elaborado consta de protocolos de higiene, segurança e logística de acordo com o funcionamento dos setores.

Prevenção – O prédio da Assembleia Legislativa passou por desinfecção. Trinta técnicos das Forças Armadas que atuam no Rio Grande do Norte e na Paraíba fizeram a desinfecção do Legislativo Potiguar na última semana para combater o novo coronavírus. O processo de sanitização contemplou ações de higienização e eliminação do vírus, responsável pela pandemia da Covid-19.

Além do trabalho do comitê e da desinfecção, a Coordenadoria de Gestão de Pessoas elaborou cartilha com orientações aos servidores, sobre como minimizar os impactos do isolamento social. E como suporte nesse momento de pandemia, junto com a Divisão de Saúde, está oferecendo um serviço por telefone para os que necessitarem de algum esclarecimento.

A Divisão de saúde se movimentou também para assegurar a saúde física e saúde mental dos servidores, disponibilizando atendimentos virtuais para pacientes em tratamento, como é o caso da terapia feito por psicólogos e ainda, a telemedicina feita por profissionais de saúde da Casa.

Para conscientização de todos, a Comunicação da Casa e a TV Assembleia estão produzindo material, como vídeos detalhando dicas de prevenção ao coronavírus, além de textos com o trabalho do legislativo que podem ser acompanhados pelas redes sociais @assembleiarn e pelo site www.al.rn.leg.br.

Notícias semelhantes
Comentários
Loading...