Mossoró

Artistas pedem socorro através de carta à autoridades

As dificuldades impostas pela pandemia estão contribuindo para que a classe artística enfrente sérios problemas

O secretário de Cultura de Mossoró, Etevaldo Almeida, se reuniu na manhã de ontem, 7, com representantes de artistas locais para discutir sobre a ‘Carta Emergent 2021’. O documento foi enviado pela categoria ao poder público municipal solicitando a criação de projetos que venham a atender aos profissionais que atual neste setor na cidade de Mossoró.

Segundo a carta, devido às restrições por conta da pandemia do novo coronavírus, o setor artístico local está enfrentando sérios problemas e muitos artistas ficaram completamente sem renda, por estarem impossibilitados de trabalhar. A reunião aconteceu na Biblioteca Municipal Ney Pontes Duarte, onde também funciona a Secretaria de Cultura.

A Carta Emergent 2021, assinada por um grupo de 32 artistas foi enviada a Secretaria Municipal de Cultural, no dia 30 de março. No documento, os artistas propõem ações ao poder público que visem de alguma forma sanar ou mitigar, os danos sofridos pela classe artística. Segundo o secretário, Etevaldo Almeida, desde o recebimento da carta, a Prefeitura de Mossoró por meio da Secretaria de Cultura vem analisando as propostas.

Durante a reunião de ontem, o secretário ouviu os representantes dos artistas para deliberar os pedidos. “Convidamos uma representação do grupo de artistas que nos entregou essa carta proposta para que a gente possa construir coletivamente possibilidade de se trabalhar uma articulação dentro do que está planejado e orçado no âmbito do município, tomando como referência nossas normativas legais. O objetivo da reunião com os artistas, foi dar um retorno e pautar como proceder as ações que são possíveis de serem realizadas nesse ano de 2021, tomando como referência o que está planejado no âmbito da Secretaria de Cultura que está aprovado para execução conforme as leis municipais”, explicou o secretário.

Notícias semelhantes
Comentários
Loading...