Sem promoções

“Aquece Mossoró” não deverá ser realizada esse ano

CDL dificilmente promoverá a campanha de incentivo às vendas no comércio local

A edição 2020 da campanha de incentivo às vendas no comércio de Mossoró não deverá ser realizada. A revelação foi feita com exclusividade ao Portal do RN pelo presidente da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL), empresário Wellington Rodrigues.

O empresário elencou alguns dos fatores que estão inviabilizando a realização da campanha. “As empresas estão com dificuldade porque estão tendo que começar a pagar os tributos que ficaram represados por conta da pandemia, além disso a prefeitura de Mossoró não pode apoiar e face da legislação eleitoral e o suporte financeiro oferecido pelo Governo do Estado não é suficiente para uma campanha grande como é a Aquece Mossoró”, justificou Wellington Rodrigues.

O presidente lojista destacou que as lojas estão tendo uma boa retomada das vendas após a reabertura, mas está difícil para os empresários fazerem um investimento extra para uma campanha de promoções. “As vendas estão aquecidas, mas as empresas ainda não se recuperaram totalmente pelas perdas que tiveram durante o período em que permaneceram fechadas”, argumenta.

Apesar de a decisão sobre a não realização da Aquece Mossoró ainda não ser definitiva, as chances de que ela ocorram são mínimas. “Temos discutido sobre isso nos últimos dias, e dificilmente a campanha acontecerá. Sem um apoio financeiro forte para a compra da premiação, por exemplo, é inviável a realização da Aquece Mossoró”, reforçou.

No ano passado, a “Aquece Mossoró” foi realizada no período de 14 de setembro a 5 de outubro. De acordo com dados da CDL/Mossoró, nesse período, foram movimentados R$ 48 milhões na economia local. Nos 22 dias de promoções, foram vendidos 1 milhão e 606 mil cupons.

A expectativa era de que a campanha movimentasse R$ 45 milhões. De acordo com o regulamento, a cada R$ 30 em compras, o consumidor adquiria um cupom. Foram ofertados 15 prêmios, entre eles um carro 0 KM.

A “Aquece Mossoró” é realizada em parceria pela CDL, Sindicato do Comércio Varejista (Sindivarejo) e Sindicato da Construção Civil (Sinduscon). Ela substituiu a Liquida Mossoró e teve 3 edições. A quarta, que seria este ano, não deverá acontecer.

Notícias semelhantes
Comentários
Loading...