Primeiro politizaram a Pandemia, depois a vacina, agora o futebol….

Anteciparam o debate das eleições ao ponto de usaram os túmulos das vítimas da Covid como palanque eleitoral. Claro que essa antecipação é de interesse maior da oposição, pois se ver cada vez mais afundada na falta de credibilidade com o eleitorado, e busca a todo custo enfraquecer o presidente Bolsonaro. Se tratando de PT então a situação é mais complicada ainda, pois tem como candidato mais forte para a disputa alguém que é acusado de comandar a maior roubalheira já vista neste país. A verdade é que o presidente “engoliu a corda” e a campanha realmente já começou.

O jogo é tão sujo que depois da Pandemia “ser culpa do presidente”, vacinação lenta (mesmo ganhando para países ricos), agora a realização de um torneio de futebol (acontece no momento várias competições nacionais e internacionais do gênero no país) é motivo para que quem for a favor ser do lado do presidente. Infeliz de quem se posiciona a favor. A atriz Juliana Paes que o diga. Em meio a tudo isso acontece uma CPI completamente politiqueira que o destaque é o senhor Renan Calheiros, um político que dispensa apresentação. Depois de tudo isso, os caras politizaram agora algo que era quase uma unanimidade, a nossa Seleção.

A POLITIZAÇÃO do debate chega já na religião das pessoas. Basta só dizer que o Pastor RR Soares, acometido da Covid e entubado, é motivo das mais ridículas chacotas. O que essa mídia militante deveria saber é que existe vida inteligente fora da bolha deles. Com a direita e esquerda com suas demonstrações de extremismo, tá faltando alguém aparecer e mostrar que pode ser o diferencial. Enquanto isso vamos assistindo os embates dos que se acham mais inteligentes que todo mundo. Politizaram a Pandemia, Vacina, e agora foram mexer na nossa grande paixão, o futebol. Deixem pelo menos aqueles que professam sua fé em Cristo de fora dessa podridão.

Notícias semelhantes
Comentários
Loading...