Mossoró

Advogada é presa após furtar queijo e castanha

É a segunda vez que a advogada é detida pela polícia. Em novembro, ela foi autuada por tráfico de drogas

A advogada Maitê Ferreira Nobre, de 24 anos, foi presa em flagrante nesta terça-feira (17), após furtar um queijo e um saco de castanha do Pará, em um supermercado no Centro de Mossoró, na região Oeste potiguar.

De acordo com a polícia, Maitê fez compras no estabelecimento e teria colocado os dois itens dentro da bolsa. O segurança percebeu a atitude suspeita da advogada e decidiu chamar a Polícia Militar.

Os policiais militares foram até o local e encontraram os itens furtados dentro da bolsa de Maitê. Ela foi encaminhada para a Delegacia Especializada em Furtos e Roubos, mas pagou a fiança, no valor de R$ 340 e foi liberada.

É a segunda vez que a advogada é detida pela polícia. Em novembro, ela foi autuada por tráfico de drogas. Ela ficou conhecida por ser a primeira advogada trans do quadro de defensores da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) no RN.

Notícias semelhantes
Comentários
Loading...